segunda-feira, 31 de outubro de 2011

TROCA DE PADRE FREDERICO POR DUARTE LIMA

É uma hipótese remota, mas não é impossível. A troca do padre Frederico pelo advogado e ex-deputado, Duarte Lima foi ontem admitida pelo juiz desembargador brasileiro, Marco António Silva. (In Correio Manhoso)

Eh pá boa ideia! E ofereçam o Passos Coelho de brinde…

sábado, 29 de outubro de 2011

A CORJA DA TVI

A gaja com cara de ovo estrelado aparece no meio, Manhoso do lado direito ou Pedro Barbosa e outros anti-portistas, como o Pedro Henriques, fazem um programa miserável a que dão o nome de Mais Futebol, onde nunca aparece ninguém ligado ao nosso Clube.

A única excepção vai para o Júlio Magalhães ao Domingo à hora do jantar que quase adormece com as sábias explicações do impagável professor Martelo, que não acerta uma. Valha a verdade que ninguém lhe liga a ponta-dum-corno, incluindo os seus correlegionários.

Quando, uma vez por semana é dada à Televisão das Sopeiras a possibilidade de transmitir uma das sobras que a SportTv autoriza (o tal joguinho em aberto) destilam todo o ódio que têm ao nosso Clube, reforçando as correias de transmissão do clube do regime que o seu presidente, numa reunião com os pasquins, solicitou.

Hoje não foi excepção. Depois dum jogo completamente desastrado da “instituição” onde se viu em palpos de aranha para ganhar ao modesto Olhanense, como já acontecera com o Beira-Mar, lá vieram os relatadores de merda tentar salvar a honra do convento, escamoteando aquilo que os nossos olhos estavam a ver. Como tem acontecido em vários jogos, não jogaram nada, estiveram em risco de sofrer o empate e acabaram a partida a queimar tempo.

O carroceiro passou o jogo a pressionar Bruno Paixão que não estava sequer escalado mas “aparece” a 4º árbitro, e a fazer a habitual pressão sobre o auxiliar do lado do seu banco, saindo frequentemente da linha-limite para o interpelar. É por estas e por outras, que para a semana, vai ver o jogo do Basileia para a bancada. Na UEFA não é o senhor Vítor Pereira nem a nossa Comissão de Disciplina que manda nos árbitros.

Depois destas duas exibições miseráveis com vitórias suadas por 2 x 1, apetece-me perguntar porque raio, os nossos amigos Portistas, assobiam a equipa quando ganhamos por 5x0 ou 3x0.

Abraço

BALAS E BOLINHOS - Alma de DRAGÃO




Caros amigos:

Este tema do qual vos vou falar já foi muitas vezes, e bem, debatido em toda a bluegosfera e principalmente no nosso blogue, não vou falar dele, apenas uns bitaites...

Como vos disse já muito se falau sobre os assobiadores que no nosso estádio o fazem à nossa equipa.


Apenas vou falar deles e daqueles que o amigo João Carlos falou no artigo de ontem, os que só vão aos jogos em que o adversario puxa, para lhes dizer umas coisas.

Para os que só vão para assobiar, de certeza que não são PORTO, como o Helton disse na gala dos Dragões de Ouro, é facil ser do PORTO, dificil é SER PORTO e tem toda a razão.

Todos nós devemos ser exigentes para com o nosso clube e querer sempre mais dele e seus atlatas, outra coisa é ser burro e estar a exigir mais com atitudes que desanimam os jogadores.


Para os que SÓ vão aos jogos em que o adversário puxa, digo-lhes uma coisa, vocês não imaginam a sorte que têm de residir perto do nosso Dragão e ter a possibilidade de poder ir ver todos os jogos e não ir por mera opção, pois uma coisa lhes garanto se fosse eu que estivesse nessa situação, ão faltava a NENHUM jogo isso é certinho.

Agora voces dizem, não vens porque não queres! errado, não vou a todos os jogos porque se torna insustentavel para mim ir a todos os jogos, pois o que eu gasto para ver um jogo dá para voces que moram aí, irem ver 3/4 jogos.

Como tal não percebo como é que tendo a oportunidade de poder ir ver todos os jogos, se escolhem alguns, será que essas pessoas só são Portistas mediante o adversário? Se o adversario for bom então eu sou Portista, se for fraquinho eu já não sou tão Portista assim.

Amigos, eu não demonstro o meu Portisto mediante o adversario, pois para mim o que interessa é o FC PORTO e o FC PORTO é SEMPRE melhor que os outros, seja contra o Barcelona, seja contra o Cascalheira.

Podia gabar a vossa capacidade de poderem escolher os jogos aos quais querem assistir, mas para quem não pode assistir a tantos jogos do nosso clube como queria, não o posso fazer.


Que alegria me dá ir ao nosso estádio poder ver o nosso FC PORTO e estar TODO o jogo a vibrar e a apoiar a nossa equipa, quer esteja a jogar bem, quer esteja a jogar menos bem, isto, para mim, é ter ALMA DE DRAGÃO...

Como tal, amigos, vocês não fazem a minima ideia da sorte que têm e que não a sabem aproveitar, PARABENS a TODOS os que estiveram no Dragão no jogo com o Nacional.

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

O Improvável Dragão - Os papa pipocas!!

Olá amigos Portistas,

Depois de no passado Domingo debaixo de um temporal termos ganho por 5-0 e mesmo assim não ser suficiente pois havia quem achasse que deviam ser por 10, voltamos ao nosso lugar habitual. Estiveram no Dragão perto de 20.000 pessoas, como todos sabem que eu prefiro e defendo que o Dragão devia estar sempre com uma média de 40 a 45 mil pessoas por jogo, mas desta vez vou dizer algo que contraria isso mesmo, pois estes 20.000 que lá estiveram foram melhores que os perto de 35 mil contra o Apoel, e muito sinceramente digo quem vai ao Dragão para comer pipocas e passar o jogo todo a assobiar mais vale ficarem em casa!! No Domingo debaixo de um temporal estiveram lá aqueles que não arranjam desculpas para não ir ao Dragão, sabemos que muitos não vão porque está frio, outros não vão porque está calor, outros é porque o adversário não puxa, mas depois nos jogos importantes vão todos!! A mim isso deixa-me intrigado e percebo o porquê de nesses jogos ouvir muitos mais assobios, os que só vão aos jogos importantes não vão para apoiar o FCP, vão porque o adversário já puxa, ou seja está explicado, se as pessoas fossem pelo FCP iriam sempre pois o FCP joga sempre!! Por isso comportam-se como adeptos do clube adversário, assobiam a própria equipa!! Eu como só assobio o adversário e as más decisões de arbitragem logo só posso compreender desta forma este tipo de adeptos que são reis do assobio!!
Aquilo que o amigo Custóias escreveu sobre a claque do Apoel foi exactamente o que eu senti também a ver esse mesmo jogo!!
Infelismente não tenho a possibilidade de ir a muitos jogos fora, como já disse várias vezes em casa nem que seja contra o Ramaldense estou sempre presente mas fora só consigo ir a 3 ou 4 jogos no máximo por época mas sinceramente esses são aqueles que mais gozo me dão, nesses os adeptos que vão estão sempre a apoiar, mesmo quando as coisas não correm bem não ouço ninguém a assobiar a nossa equipa, já sai uma vez derrotado do estádio da Luz mas vi os adeptos a puxar pela equipa o jogo todo e no fim aplaudiu-a na mesma!!
Eu sei que a nossa força vem da nossa exigência e eu também o sou, não gosto de ver a minha equipa perder ou empatar seja conta quem fôr muito menos em casa, costumo dizer que nós em casa temos obrigação e dever de ganhar a qualquer equipa, mas isso é que me motiva ainda mais a apoiar e não a assobiar se as coisas correm mal!! Não consigo compreender o que passa na cabeça das pessoas e temos um exemplo gritante, o Hulk é indiscutivelmente um dos melhores jogadores deste campeonato, é o nosso craque, mas mesmo assim depois de ter marcado um golo contra o Apoel, ao tentar fintar perdeu uma bola e foi imediatamente assobiado!! Acham isto normal?? Eu não acho e as pessoas que o fazem deveriam pôr a mão na consciência e pensar se nos seus empregos sempre que fazem algo de errado gostavam de estar a ser sempre assobiadas mesmo depois de até terem feito um brilharete!! Será que ficavam mais motivados com esses assobios?
Se antigamente esse tipo de pressão até podia ter algum efeito pois os jogadores do FCP eram na maioria portugueses que até eram Portistas e sentiam isso como uma cobrança que os fazia dar a volta á situação hoje em dia temos que perceber que sendo na maioria estrangeiros para jogarem bem têm de se sentir bem e não é assobiando-os que eles se vão sentir!! Depois espantámo-nos quando estão sempre desejosos por sair...
Espero sinceramente que as pessoas mudem a sua postura senão peço ao S. Pedro que nos dias de jogo do FCP mande sempre muita chuvinha, assim só irão ao Dragão aqueles que vão para ver o FCP e não os que vão para comer pipocas e assobiar!!
Abraço e até para a semana!!
João Carlos!!

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

A Lei de Ohm - É o Amor! (Apoel, Nacional e Villas Boas)

Love is Blue!
Bom dia amigos e anónimos Destinados a Vencer desde 1893. Bom dia a todos os outros também, não tenho o hábito de descriminar ninguém.

Venho falar de amor. Amor puro. De longe, de cá e de sempre. Amor. Sim isto é só futebol... Mas é amor também!


Primeiro Amor - APOEL
Os 2.000 que se transformam em 20.000.

Na quarta feira passada, como referi aqui, fui ao Dragão. Como sempre. Se houver jogo estou lá... Mas quando la cheguei, e enquanto la estive, jogo de futebol houve muito pouco... Mas houve outra coisa fantástica que prendeu a minha atenção durante os 90 minutos de jogo, os 15 antes de começar e o intervalo.

Amor

Amor vindo de outro país, vindo do Chipre. Amor sincero, profundo e puro. Amor. Só Amor. O maior amor que é possível ter por uma instituição, por um ideal, por uma cor, por algo inexplicável que é um clube de futebol.

"Perdi" (sim entre aspas porque não o considero perdido) todo o tempo que estive na bancada, no meu lugar do estádio, a observar aquela claque Cipriota. E digo-vos que foi algo fantástico!

A primeira vez que conheci o APOEL foi, como provavelmente todos nós, à uns dois anos quando nos encontramos com eles a primeira vez na LC. Na altura estavam perto de 500 adeptos Cipriotas na bancada e a alegria que emanava daquele canto da bancada era contagiante. Com uns gorros e umas musicas animadas la iam apoiando a equipa, 90 minutos, mesmo a perder.
Este ano foi igual mas em vez de 500 estavam 2000... 
Passo a relatar os acontecimentos:

Sento-me olho para a direita e vejo uma mancha laranja. Cantam cantam saltam e dançam parece que estão numa festa em que o Dress Code foi Laranja. Mesmas musicas de à dois anos, mesma alegria. O Estádio do Dragão fica composto, esta uma boa noite de Verão e vem muita gente ver o jogo de LC. Assobiam e mostram "O Dedo" aos cipriotas que nem olham para o lado, apenas para o retângulo verde onde já estão os seus heróis.
Começa o jogo e começam as musicas com bombos. Tum Turum Tum Tum... Vozes coordenadas, palmas coordenados, saltos coordenados e acima de tudo Sorrisos coordenados! Tudo é festa no meio daqueles 2000 adeptos. Os restantes, azuis, não se ouvem. Tentam assobiar aos cipriotas, tentam insultar berrar fazer de tudo para que os laranjas olhem para eles e parem com aquele sonoro festivaleiro... Mas nada... Olhos cipriotas só tem um sentido... Os 11 homens laranjas.

Golo do Porto!! Estádio salta berra e inicia uma erupção azul e branca. Meia Dúzia de adeptos do Meu Clube e companheiros de bancada mostram o dedo aos cipriotas e insultam os mesmos. Em vez de festejarem com a equipa tentam mandar abaixo os adeptos visitantes. Os cipriotas nem reparam neles... Os cipriotas olham para o chão... Olham para os festejos de Hulk. Bola ao Centro. E... Recomeçam os Bombos... Tum Turum Tum Tum... Mais fortes ainda... As vozes mais soltas ainda. As musicas mais alegres ainda. O Sorriso não deixou os rostos dos 2000 adeptos. Pelo contrario! Sabem que se deve sempre sorrir ao amor pois o amor sorri de volta para nós...E sorriu pouco depois... Golo do APOEL! 2000 transformam-se em 20.000... Algo de formidável acontece ao meu lado na bancada... É a multiplicação das vozes...

- Porra, pensei eu, os gajos la em baixo devem estar a jogar a 500%... Se fosse eu estava... Com gajos assim, longe de casa, no meio de um estádio dificil (os portugueses que la jogam sabem disso e devem ter explicado isso aos colegas) e a apoiarem desta maneira... Que impulso devem dar aos gajos... 
E deram...
45 minutos depois, no intervalo, as vozes acalmaram e recuperaram as forças.Os meia dúzia de anormais la voltaram a chegar-se aos cipriotas com insultos e dedos no ar. Eles conversavam animadamente entre eles e nem repararam no que se passava ao lado. Estavam ali para apoiar, para mostrar o amor, para sorrir para o amor e não para falarem com alguém que não partilha do mesmo amor.
Os Adeptos Azuis, após o golo do APOEL, começaram com o festival de assobios e silencio. Ora assobiavam ora estavam calados a ouvir os Cipriotas...
Inicio da segunda parte... Tum Turum Tum Tum... Mais 45 minutos de Tum Turum Tum Tum... De cânticos... De Sorrisos...

Os Azuis passaram a segunda parte a Assobiar... Insultar... E apoio... Muito próximo de 10%... Perto de 40.000 a fazerem nada enquanto 2.000 faziam tanto...

Fim do jogo, os Heróis vão se mostrar aos adeptos, bem junto a eles. Os Meia Dúzia voltam a insultar, a mostrar o dedo... Os cipriotas não querem saber, nunca quiserem... Querem ver os seus meninos que fizerem frente ao Dragão e saíram incólumes...

Isto é Amor, isto é ser adepto. Isto é uma lição para todos os que lá vão assobiar a própria equipa... Do inicio ao fim, a perder e a ganhar... Sempre a apoiarem, sem insultos, sem provocações. Sem ligarem a provocações... Estão ali para Sorrir! E no fim... Sorriram... E merecidamente carago...

O APOEL é uma equipa composta por jogadores medianos muitos deles vindos do nosso campeonato... Mas os adeptos são bem melhores que os nossos... A diferença está aí... No Amor!


Segundo Amor - À Chuva com o Nacional.
Os 20.000 verdadeiros.
Porto - Normalmente é assim! Lindo e cinzento!

Domingo voltou o clima portuense à cidade do Porto. Chuva, frio, vento... Cinzento... O nosso clima. Ora eu, obviamente, fui ao estádio. Pensei que seria o dia ideal para se voltar a ganhar e a equipa sentir os adeptos.

Porque? (Perguntam vocês)

Porque com esse tempo só vai à bola quem é adepto... Mesmo... Estavam 10 graus, chovia e diziam que ia chover e ventar como no fim do Mundo... Perfeito! Os grandes jogos Draconianos foram feitos na chuva. Os que eu me lembro pelo menos...

Love the Rain!!
Estavam perto de 20.000 almas no Dragão. O Porto não fez uma exibição de gala (se não tinha dado uns 8 ou 9...) mas foi seguro. Deu para o VP mandar uma mensagem para o grupo (Guarim Moutinho, Otamendi e James) deu para alguns ganharem moral (Walter e Kleber) e deu para os jogadores sentirem o carinho dos adeptos. Os 20.000 que la estavam são puros e estiveram o jogo todo a apoiar. Pareciam os 2.000 do APOEL (menos barulhentos sim mas o sorriso estava lá). Muitos (eu inclusive) debaixo de chuva e mesmo assim a sorrir. O Porto ganhava e as feridas estavam a sarar. Só é preciso mimo e Amor.
SongokHulk

20.000 mostraram o Amor. E não se ouviu assobios... So se "Ouviu" os sorrisos. E o Hulk Amarelo ajudou:-)


Estes são os que Amam!!  Porque não pode ser sempre assim?? Por isso gosto da Chuva!!

Rir na Chuva! :-D

Faz lavar a alma e sorrir quem ama! :-D


Terceiro Amor - Carta a Villas Boas.
O Amor de Verão... Não sai do coração...

(Ler a Ouvir o Perfeito Vazio dos Xutos e Pontapés)

Bem vindo de Volta André!

André:

Foi um retorno do filho pródigo. O Amor de Verão é fugaz, intenso, brilhante... Mas destruidor quando vem o afastamento... No entanto a magoa dissolve e o Amor de Verão fica sempre marcado no coração como uma historia, a mais bela historia de amor que vivemos.

Ontem dissolveu-se a magoa. Reencontramos-te André e sorrimos... Partilhamos recordações, momentos inesquecíveis. Rimos de peripécias, choramos de emoção ao relembrar conquistas. Partiste mas ficarás sempre cá...

Uma vez disse isto de ti:

"Ele é adepto do Porto. Vai ser sempre. Adeptos somos eternamente, não se pode mudar de clube. Não vai ser adepto do Chelsea, não vai dizer que o Chelsea é o clube do coração, que é a sua cadeira de sonho... É e vai ser sempre adepto do Porto...  Mas é principalmente profissional... Mas não foi isso que disse todo o ano, toda a época... Fodasse André... É por isso que doí..."

Mas já passou, já doí menos André. És um dos nossos... E por mais problemas que tenhamos, serás sempre um de nós...
Grande discurso, deixas-te ali uma lágrima... eheheh
Tudo bem, os Homens com h grande choram por Amor!
Gostei de te ver André, volta sempre, nem que seja para beber um copo e ver a bola, ver o nosso clube... E sorrir... À chuva e ao frio... Sabes onde vou estar...

Na bancada a Sorrir...
Smile!!

"Bem-vindos a minha casa
Ao meu lar mais profundo
De onde saio por vezes
Para conquistar o mundo


Às vezes tu tens mais frio
Às vezes eu fico imóvel
Pairando no vazio
No perfeito vazio
Às vezes lá faz mais frio"

E faz frio no Porto... E já saímos e conquistamos o mundo... Mas voltamos sempre a casa... Certo André?


Até à próxima amigos. 20.000 de domingo, vemo-nos na sexta ok?

Siga para Bingo!! :-D

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Menos estupidez e mais apoio, pf

O FC Porto aviou o Nacional com cinco golos sem resposta, mas a tónica de muitos, portistas e não só, é que o clube continua em crise. E porquê? Porque a exibição contra a equipa madeirense foi pálida, descolorida e quase isenta de oportunidades de golo, dizem eles para minha discórdia. Ou sou eu que não percebo nada de bola, ou um jogo em que uma equipa marca cinco ao adversário pode ser tudo menos o que a avalanche de adjectivos pouco abonatórios apontada ao FCP. Que muitos não gostem de Vítor Pereira e o queiram ver pelas costas até aceito. Que se queira queimá-lo depois de um jogo em que tudo correu bem é apelar à hipocrisia e ao sadismo. Parece que o bom senso começa a faltar e não é de agora. E, já aqui o escrevi, ver muitos dragões a cometerem exactamente os mesmos erros que criticam aos outros é a mais pura estupidez, até porque esses mesmos erros são aplaudidos e incentivados aos rivais precisamente porque o respectivo autoflagelamento os enfraquece a bom enfraquecer. Depois um dia admirem-se quando estivermos na mó de baixo com razões de sobra para isso acontecer a chorar maus resultados atrás de resultados e um doloroso jejum de títulos. Aí quero ver quem vai olhar para trás e dar a mão à palmatória admitindo que o seu comportamento ajudou a desestabilização do clube. Crises como a que estamos a atravessar quero eu muitas. Aliás, trocava-as pela outra crise, a que me vai ao bolso todos os dias e ameaça ir mais ainda num futuro não tão longínquo como isso.

O que a gorda vitória perante o Nacional não apaga é, essa sim, sofrível exibição contra o Apoel Nicósia. Mérito aos cipriotas quanto à forma como se organizaram, demérito nosso pela forma como não fomos capazes de superar as dificuldades. De qualquer forma, duas coisas têm que ser admitidas. Uma é que o jogo com o Apoel serviu para confirmar que o banco faz bem a quem se julga titular por direito adquirido e estimula quem dele quer sair porque se julga capaz de ser melhor dos que jogam de início, e nesse aspecto a goleada ao Nacional começou na quarta-feira passada, a outra é que um grupo aparentemente fácil está nas mãos da equipa aparentemente mais fraca. Mesmo assim, a qualificação para os oitavos está nas mãos. Vai ser preciso mais trabalho, é certo, alguma sorte e, sobretudo, mais consistência. Se não seguirmos em frente, dado garantido é que seremos fortíssimos candidatos a vencer a Liga Europa pelo segundo ano consecutivo. E, sinceramente, não sei o que será melhor, se vencer mais um título europeu ou avançarmos numa competição onde o mais certo é cairmos à primeira ou segunda pedrada que apanharmos de um qualquer colosso (eu sei que também somos um colosso, mas há outros com mais equipa, mais dinheiro e mais arbitragens amigas por essa Europa fora, admitamos).

Hulk está louro. Perdoem-me a observação, mas parece uma gaja saída à pressa de uma casa de alterne depois de uma discussão com o chulo. Louro, castanho, verde ou laranja, uma coisa é certa: daqueles pés saem hinos ao futebol.

sábado, 22 de outubro de 2011

Balas e Bolinhos - Oficina do Dragão



Olá amigos, o que eu tinha para falar nesta semana, já foi quase tudo dito pelo amigo João Carlos no artigo de ontem, mas vou dizer mais umas coisas.

Algo vai mal na oficina do Dragão, é uma realidade incontornável.


Será que é por alguns jogadores que na pré-temporada queriam sair e não os deixaram e estão a fazer birra? Talvez sim, talvez não.

Será que os jogadores não gostam dos métodos do treinador? Também não sei, o que sei é que algo está mal, pois afinal a equipa é a mesma, o treinador também já lá estava na época passada, por isso não percebo o que poderá estar a passar.

Li hoje na imprensa que no treino desta quinta-feira, Vítor Pereira falou aos jogadores de uma forma ríspida, chamando à atenção do que está a faltar à equipa, nomeadamente alma em jogo., entre outras coisas.

Uma coisa é certa, nem sempre concordo com as opções dele quer no alinhamento inicial, quer nas substituições durante os encontros, ou mudanças tácticas que faz/não faz, durante os mesmos encontros, as uma coisa é certa, ele é o meu treinador e defendê-lo-ei até que um dia deixe de ser o timoneiro da nossa equipa.



Outro assunto que já passou o ridículo e já mete nojo é o dos famosos assobiadores, juro que não percebo essa atitude, nem que o nosso clube jogue péssimo e esteja a perder o consigo fazer, aliás só me dá vontade de cada vez gritar mais alto as músicas do nosso clube, quando vejo a bola no café, junto de pessoas afectas a outros clubes e estão sempre a meter veneno, a falar mal, o nosso clube joga mal, nesses momentos é que me dá vontade de gritar POOOOOOOORRRRTTTTOOOOOOO, por isso não percebo como essa gente que se considera PORTISTA tem coragem para ter tal atitude e de se considerarem Portistas até…

Li também que segundo essa notícia, "uma fonte segura", o FC PORTO está a tratar da sucessão de Vítor Pereira e que essa mesma sucessão será feita com a entrada de Pedro Emanuel, estando apenas a SAD à espera de mais um deslize de VP.



Essa mesma notícia diz ainda que VP não será despedido, pois manter-se-á no clube em outras funções, sinceramente não faço ideia até que ponto esta noticia terá alguma ponta de verdade, mas a ser verdade, talvez não fosse mal pensado, até porque há treinadores que são excelentes adjuntos mas fracos principais, não quero dizer que seja o caso de VP, mas ele não está a transmitir à equipa muitas ideias, principalmente do que é SER PORTO, pois parece-me que já há vedetas na nossa equipa e isso não queremos.

Resta-nos esperar o que será feito na nossa oficina, algo tem que ser feito pois a maquina tem que ser arranjada, ou com este mecânico, ou com outro.

Quero uma resposta já neste Domingo, eu vou lá estar a apoiar do inicio ao fim e como sempre que visitei o Dragão, quero sair de lá com uma vitoria.




ESTE É O NOSSO DESTINO - VENCER

DOIS BURROS MANDADOS

Ao anunciar hoje a sua candidatura às próximas eleições na FPF, Carlos Marta o presidente, simultaneamente, da Casa do Benfica e da Câmara de Tondela, leva a reboque, por certo o mentor desta palhaçada, o conhecido “mãozinhas” (*) para a Assembleia-Geral. Isto, claro, se a sua Lista vencer as eleições.

Do currículo destes 2 fósseis, ficamos a saber que estão há anos e anos ligados à política, às autarquias, e a um “Conselho Superior de Desporto” do qual ninguém conhece obra feita.

De futebol, daquele que se pratica lá em baixo, nas 4 linhas, nenhum deles percebe puto, pelo que as suas candidaturas se devem obviamente a “fazer as coisas pelo outro lado”, o tal “dividir para reinar”.

Se no caso de Carlos Marta a eventualidade de “subir” à presidência duma casa com a complexidade da Federação Portuguesa de Futebol compreende-se que possa ser um aliciante de peso, no outro, do senhor Seara, que sempre ambicionou ser presidente da “instituição”, ir para uma Assembleia-Geral dirigir 2 ou 3 reuniões por ano, é mesmo passar de cavalo para burro.

De salientar que Fernando Seara joga em 2 tabuleiros: apoia para a Arbitragem, Luís Guilherme da lista de Carlos Marta, enquanto nas suas miseráveis prestações televisivas no Prolongamento, apoia Vítor Pereira da lista de Fernando Gomes. Só deste imbecil podia sair uma coisa destas

Mas, como dizia o outro… “são estranhos os desígnios do Senhor”.

.

(*) Por motivos de ordem técnica, só podemos apresentar uma das mãozinhas. Do facto pedimos as nossas desculpas.

.

Abraço

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

O Improvável Dragão - LAVAR A ALMA

Bom dia amigos Portistas,


Hoje vou aproveitar para dizer o que me vai na Alma sobre este momento do nosso clube, e se eu ainda tenho Alma para sentir alguma coisa desculpem-me lá mas há jogadores que estão a perdê-la.
Como eu disse já em outras alturas e pelos vistos não me enganei, jogadores contrariados mais vale não ficarem, posso até estar a ser injusto mas João Moutinho, Guarin e Alvaro Pereira não estão com Alma para jogar no FCP, a cabeça está nos €€€ ou £££ que cada um achava que podia estar a ganhar mais neste momento e isso está a refletir-se e a contagiar a equipa, se a maioria bate sem piedade no treinador (não digo que não tenha algumas falhas), eu sinceramente só irei alinhar por esse diapasão se ele não tiver a coragem de sentar estes 3 senhores no banco ou até mesmo na bancada, Bellushi, Defour e Alex Sandro estão lá para ocupar os lugares destes senhores e tenho a certeza que com mais vontade e mais Alma para ajudar o clube neste momento!!
Os trio de contrariados que mencionei acima têm de perceber que se querem voltar a ter propostas para sair terão de jogar e bem pois a jogarem da forma que estão acho que nem no Leça (clube da minha terra) teriam lugar!!
Podem estar a achar que estou a ser demasiadamente duro com estes jogadores pois o ano passado foram dos nossos melhores homens, mas quem vai ao estádio e vê estes 3 a jogar percebe que eles não estão cá!! Eles não desaprenderam a jogar por isso acho inacreditável a qualidade de jogo que têm apresentado. Alvaro Pereira sempre que sobe recua a passo, não faz um unico cruzamento em condições, João Moutinho passa minutos sem aparecer no jogo, não faz um corte, um passe, não se disponibiliza tanto para receber a bola, Guarin acaba com mais passes errados do que certos!!
Eu sei o que eles valem e se eles quiserem estar realmente disponiveis para o Porto eu sou o 1º a defendê-los mas neste momento não sinto isso.
É disto que vai depender a continuação do meu apoio a Vitor Pereira, apesar de também perceber que em algumas coisas não tem estado bem acho que o momento mau da equipa deve-se principalmente á forma como os jogadores encaram os jogos, claro que o treinador tem um papel fundamental neste aspecto e pode não estar a conseguir fazer passar a mensagem, mas quando o vejo a dar indicações para fazerem determinados movimentos, ouço qual é a sua filosofia de jogo e depois vejo o que têm feito os jogadores nos ultimos jogos acho que os jogadores têm uma grande dose de responsabilidade pois não vejo a fazerem o que o treinador pede dentro do campo, para mim isso acontecesse pois estão desconcentrados e com a cabeça noutro lugar!!
Por isso se Vitor Pereira mostrar que tem pulso e sentar estes senhores no banco continuará a ter o meu apoio incondicional, ao contrário não serei carpinteiro para o andar a pregar na cruz mas não poderá contar com a minha defesa!!

Agora umas palavras a muitos Portistas que vão ao Dragão, durante o jogo a função de um adepto é apoiar a equipa, cantar e bater palmas não é só quando as coisas correm bem, aí os jogadores não precisam pois o próprio jogo já puxa por eles, devemos ser unidos com a equipa principalmente quando as coisas correm mal, durante os 90 minutos temos que apoiar, não percebo sinceramente o que achará um adepto que assobia o que isso contibui para melhorar a perfomance de um jogador que erra um passe, que está a jogar mal!! As coisas já não estão a correr bem e o jogador ao ser assobiado vai querer fazer as coisas muito depressa e isso sabemos que é o caminho para errar mais!! Neste jogo a postura do publico do Dragão para mim foi ainda pior do que a da equipa!! Concordo que se critique pois eu também o faço e até posso aceitar que no fim do jogo se a equipa não correspondeu possam assobiar (eu nem ai consigo fazê-lo) agora durante os 90 minutos por favor apoiem a equipa, para assobiar estão lá os adversários!!
O Dragão tem de ser um inferno para os adversários e não para a nossa equipa!! Se continuarmos nste registo irá ser cada vez pior e não auguro nada de positivo!!

Espero que Domingo possamos corrigir esta exibição menos conseguida, vamos receber a nossa besta negra, a equipa que mais vezes já ganhou no Dragão por isso só uma equipa disciplinada, jogadores com a Alma lavada com vontade de vestir essa grande camisola que é a nossa e um publico que grite, cante, aplauda é que vamos conseguir manter o nosso lugar na classificação!!
Já disse aqui várias vezes que o que mais gosto é ver o estádio cheio mas se for para assobiar por favor fiquem em casa!!

SOMOS PORTO!!

Abraços e até para a semana!!
João Carlos

AVENTURAS DE TINTIM BRINCALHÃO

O Vitória de Guimarães registou um resultado líquido negativo de quase dois milhões de euros (ME) e viu o seu passivo aumentar em 2010/11, gestão económica e financeira que mereceu críticas do Conselho Fiscal do clube.

Os responsáveis pela fiscalização das contas do clube notam ainda «a quebra de receitas resultantes das quotizações e patrocínios, o não cumprimento do orçamento das modalidades ‘amadoras’, o crescimento dos custos com fornecimentos e serviços externos superior ao que seria desejável», que aliados ao “crescimento do investimento no futebol profissional” explicam o resultado negativo. (*)

Entretanto, a Direcção para atenuar o impacto destes resultados vai oferecer aos sócios entradas gratuitas para a antestreia nacional do último filme sobre o "herói" da banda desenhada Tintim ao abrigo da Capital Europeia da Cultura Guimarães 2012.

.

(*) Onde é que eu já ouvi isto?

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

DUELO AO PÔR DO SOL

O processo que opõe a SAD do Benfica ao jogador Miguel, que alega justa causa para rescisão de contracto, foi suspenso e será retomado a 22 de Novembro, dada a existência de negociações em paralelo.

A sessão desta quarta-feira, agendada para as 13h30, nem chegou a ter início. Os advogados das partes - João Correia (Benfica) e Dias Ferreira (Miguel) - reuniram-se com o juiz responsável pelo processo, tendo a sessão sido adiada com o argumento da existência das negociações entre o jogador e as águias.

Os encarnados reclamam uma verba a rondar os sete milhões de euros pela quebra de contrato por parte de Miguel, que se transferiu para o Valência em Agosto de 2005, então por 7,5 milhões de euros.

"O processo tem mais de 800 páginas e é difícil explicar de forma simples o que é alegado pelo jogador. Sucintamente, alega justa causa na rescisão do contrato e o Benfica considera que não", disse o advogado João Correia à saída da 1.ª Secção do 5.º Juízo do Tribunal de Trabalho de Lisboa.

Dias Ferreira preferiu não fazer qualquer declaração, tendo, no final, conversado com Paulo Barbosa, empresário de Miguel, acompanhado por Paulo Madeira, antigo jogador do Benfica.

A sessão será agora retomada a 22 de Novembro, pelas 9h30 horas, dia em que o Benfica defronta o Manchester United, em Old Trafford, em jogo da quinta jornada do grupo C da Liga dos Campeões.

Caso as partes cheguem a um entendimento nas negociações que decorrem em paralelo, o processo poderá ser anulado em qualquer altura.

.

Fotomontagem de JOSE LIMA

A Lei de Ohm - Shift to 5º Gear, Change the Level... (Que seca de ultimas semanas...)

Vamos lá mudar para Quinta!!
Bom dia amigos e anónimos Destinados a Vencer mas que anda meio macambúzio...

E Porque? Porque embora 8 golos sejam fantásticos... Contra um pinheiro...

Sinto falta dos jogos, mas dos jogos mesmo, e do Dragão... Parece que não mas em vez de ir ao psicólogo, em vez de tomar ansioliticos, em vez de desatar a fazer manifestações contra a crise, troika ou governo, vou à bola.
Prefiro o Abismo, mas aqui no Blog devo ser só eu ;-) eheheh
Sim estamos em crise, muita coisa vai mal mas vamos chorar? Não... Vamos à bola e desatar a dizer palavrão, saltar da cadeira e berrar golo. Do Kleber ou de outro qualquer porque o Walter Gordo não pode jogar...
Os Matadores! Walter gosta é da Taça :-D
Sinto mesmo falta...

Sim foi uma vitoria muito boa com pormenores deliciosos (Bellushi... É o melhor numero 10 que temos e devia jogar sempre...) mas espetar oito "Peros" num "Pinheiro" qualquer não é nada dificil... Parecia um combate do UFC entre o Anderson Silva e um amador escolhido ao acaso do publico...
Anderson Silva
Foi um jogo em que com o carro em 3ª demos 30 voltas de avanço... Ao clube de Sintra...

Amanha eu vou ao estádio e com a crise em que estamos tenho muito para contar ao psicólogo e muito comprimido para tomar... Por isso vamos lá meter a 5ª mudança e engatar num bom jogo na competição onde devíamos jogar sempre... Vamos mudar o nível e passar para os jogos a serio. Quero berrar muito golo, quero sair do jogo descansado e pronto para enfrentar esta vida complicada.
Comprimidos? Não... Meia dúzia de palavrões e uns golitos...
Por hoje é tudo... Estou amorfo...

O Nosso destino é vencer
Somos daqui, somos de todo o lado!!
SOMOS PORTO!!!

BAMOS EQUIPA!!! ATÉ OS COMEMOS CARAGO!!

ATÉ À PRÓXIMA AMIGOS!! Siga pa BINGO!

terça-feira, 18 de outubro de 2011

De Pero Pinheiro para a Champions

O FC Porto lá aviou o Pero Pinheiro com oito golos sem resposta. Goleada das grandes, pensarão alguns e eu concordo. Não é todos os dias que se marcam oito e nem o facto de ter sido o Pero Pinheiro, essa potência, a sofrê-los minimiza a proeza. Os golos são a festa do futebol e a Taça de Portugal é a festa do futebol cá do burgo. E é preciso não esquecer que ganhá-la este ano assume contornos históricos pois será uma inédita quarta vitória consecutiva na prova. A trilhar rumos novos num palmarés que se quer cada vez mais recheado.
Do jogo, pouco fica para contar aos netos a não ser os quatro golos de Walter. Há quem continue a chorar a sua não inscrição na Champions, mas o certo é que um poker ao Pero Pinheiro vale menos do que uma bola ao poste contra o Apoel. Há que relativizar, embora continue a achar no mínimo estranho que não tenhamos inscrito dois pontas de lança na Europa, por mais trapalhão e irregular que um deles seja.
Só a título de curiosidade, o FC Porto já não marcava oito golos desde que despachou o Barry Town numa pré-eliminatória da Champions em 2001/2002, época em que o banco era ocupado por essa sumidade chamada Octávio Machado. Pena foi que até ir embora Octávio tenha conseguido que o FC Porto marcasse pouco mais dos que os oito aos coitados dos irlandeses. E por falar em Champions dessa época, lembro-me muitas vezes de um jogo em casa com o Sparta de Praga que perdemos 0-1 graças a um frango do Paulo Santos e a à genialidade táctica de Octávio ao colocar como único avançado Paulo Costa, pouco mais do que 1,60m de gente, no meio de torres com mais 30 centímetros do que ele. Porquê e quando me recordo disto, perguntam vocês? Sobretudo quando ouço o próprio Octávio apregoar-se bom treinador e queixar-se que não singrou no FCP porque Pinto da Costa e mais 8000 factores não deixaram. Depois rio para não chorar e passa-me. Mas divirto-me sempre, garanto.
De Pero Pinheiro há ainda a reter Iturbe. Se Messi se estreou pelo Barcelona no jogo de inauguração do Dragão, honra seja feita aos blaugrana por lhe terem escolhido tão digno padrinho, Iturbe foi lançado pela primeira vez contra o Pero Pinheiro, clube que duvido saiba soletrar naquele seu arranhado, mas curioso, sotaque argentino/paraguaio. E se muito o queríamos ver jogar, mais o queremos ver recuperar depressa de uma inoportuna e azarada lesão no cotovelo. Só em 2012, dizem os jornais. Temos tempo que o rapaz é novo e futuro não lhe falta.
Siga a Taça de Portugal em frente, que agora venha um clube dos escalões secundários para ajudarmos mais um emblema pequeno a equilibrar as contas, que temos Champions já amanhã. Quem diria que o APOEL seria a prova de fogo que iria testar a nossa capacidade de seguir em frente? Poucos, talvez, mas a verdade é que temos que conquistar seis pontos na jornada dupla frente aos cipriotas que um dia apanharam 16 do Sporting ou correremos sérios riscos de sermos relegados para a Liga Europa, o que nem seria mais ideia pois teríamos fortes possibilidades de a conquistar pelo segundo ano consecutivo, algo que, se não me falha a memória, seria um feito inédito no historial daquela já foi Taça das Cidades com Feiras e Taça UEFA.
Finalmente a selecção. Ou melhor, aquele amontoado de jogadores com camisolas da cor de Portugal. Foi uma derrota bem encaixada a da Dinamarca. Sobretudo porque os que elevaram Paulo Bento à categoria de génio ficaram a conhecer as suas limitações. Que são muitas. E também perceberam que Cristiano Ronaldo não é tudo por muito bom que seja, e ele é. Já disse isto umas 5000 vezes, pelo menos, aos que criticam Ronaldo por não dar um chavo na selecção: ponham-no a jogar no Olhanense e, quanto muito, verão os algarvios subir um ou dois lugares na classificação; integrem-no no FC Porto e ele ajudar-nos-á a ser campeão todos os anos com 20 pontos de avanço. O que é que isto quer dizer? Que um jogador não faz uma equipa mas uma equipa pode fazer um jogador. E Cristiano Ronaldo joga num Real Madrid recheado de classe, como o era o Manchester United onde antes alinhou. Na selecção de Portugal, é apenas a estrela de uma companhia onde poucos são os artistas que ultrapassam a vulgaridade. Sendo assim, caríssimos, não tenhamos ilusões: não poderemos ir muito longe. Já agora, só para rematar este texto que já vai longo, é bom lembrar que a história do futebol só ofereceu à memória um jogador que conseguiu carregar às costas uma selecção pouco mais do que normal: chamava-se Diego Armando Maradona e ganhou sozinho o Mundial de 1986.

PS: Confesso que também estive para escrever sobre as penas de prisão a que arriscam vários jogadores do FC Porto por causa dos incidentes no túnel da Luz. Mas os meus pais ensinaram-me a não levar os tolos a sério.

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

O TREINADOR DO PSD

O parvalhão que treina há anos a equipa do PSD com os resultados que estão à vista, meteu-se ontem a confrontar os espectadores com a “notícia” de que cada jogador da Selecção Portuguesa, no caso de se qualificarem para o Euro, ia ganhar um prémio de 100 mil euros. Este cavalheiro que, tem na televisão das sopeiras um inexplicável tempo de antena deste governo, mais uma vez enganou-se e obrigou a FPF a sair com um desmentido:

1 - Os valores noticiados estão incorrectos e pecam largamente por excesso;

2 - As verbas em causa sairiam directamente do prémio pago pela UEFA às Selecções participantes no Campeonato da Europa e representariam uma pequena percentagem do mesmo;

3 – Nunca estaria em causa qualquer encargo para o Estado português. Pelo contrário, o eventual pagamento destes prémios estaria sujeito a tributação, nomeadamente em sede de IRS, representando um encaixe para o erário público;

4 - A Federação Portuguesa de Futebol é uma entidade privada que não depende de verbas estatais e é um contribuinte líquido para orçamento de Estado, por via das centenas de milhares de euros que paga em sede de IRC e IVA.

.

O referido senhor só me merece um comentário: Quem te manda a ti sapateiro…

Bjinhos

PS – Fotomontagem de JOSE LIMA

sábado, 15 de outubro de 2011

Balas e Bolinhos

Caros amigos, esta semana teve algumas noticias que alguns consideraram bombasticas.
A primeira foi o possivel castigos aos jogadores do FC PORTO, ainda sobre o caso dos tunel no campo das galinholas, caso que foi claramente planeado e devidamente programado e executado. A começar pela escolha da equipa de arbitragem, que deixou os jogadores encornados fazer o que quiseram durante todo o jogo, o que só por si já enervou bastante os nossos jogadores, validou um golo que é precedido de claro fora de jogo, cerca de 2 metros, o que ajudou a enervar os nossos jogadores e para finalizar colocou os anjinhos dos seguranças, sim aqueles que foram esbofetear um cidadão ao aeroporto, a provocar os nossos jogadores no acesso ao balneário, bem como a escolha do 4º arbitro, o tal pode ser ferreira, que dos 4 foi o unico que se deslocou para o local dos acontecimentos e viu tudo o que lhe disseram para ver. Os nossos jogadores deviam ter ignorado isso tudo? sim deviam pois devriam saber que ali havia tramoia. Deviam ter reagido assim? Sim, tambem deviam, pois são humanos como todos nós e estavam a defender quem lhes paga e todos nós. Qaunto à dedução de acusação do Ministério Publico, é normal, já estava à espera de tal coisa, não ia o assunto ser tartado pelo outro lado de forma criteriosa e acabar em nada...
A segunda noticia, foi o facto de AVB ser galardoado com o Dragão de ouro.
Ouvi, vi e li muitas opiniões sobre o assunto, mas amigos temos que ser honesto na analise e decidir com seriedade. Eu tenho memória e nunca mais, ou tão cedo não me irei esquecer do que ele nos fez, abandonou-nos, enganou-nos, foi cobarde e cagão. Mas amigos tambem nunca mais irei esquecer o que ele fez por nós, ganhou uma supertaça de forma categorica e teve ainda mais sabor porque fomos prejudicados, ganhou um campeonato sem derrotas, ganhou uma taça de portugal, ganhou uma Liga Europa e colocou a nossa equipa a jogar futebol como à muito já não via. Por isso amigos, pesados os prós e os contras, acho que o prémio é mais que merecido, se fosse em outros clubes ele nem um de lata recebia, mas nós somos diferentes e damos valor a quem o tem, temos que saber agradecer o que ele fez por nós.

Nunca se esqueçam - ESTE É O NOSSO DESTINO - VENCER

Grande Abraço

Deixa-nos a tua opinião....

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

O Improvável Dragão - Ministério Publico compra Hulk

Olá amigos Portistas, adeptos de um clube que ganha mais que os outros e isso causa uma inveja do caraças!!

Pois é amigos estou radiante, vão entrar 100 milhões nos cofres do nosso clube, depois de ter lido que o Ministério Publico quer levar o Hulk oferecendo-lhe um contrato de 3 anos estou contente pois como sei que ele só sairá pela cláusula de rescisão é sinal que o Ministério Publico está disposto a abrir os cordões á bolsa!! Quem não deve estar a gostar nada disto deve ser a Troika pois mandou o 1º ministro de Portugal ir aos bolsos da malta e agora uma instituição do estado vai gastar uma verba destas!!
Para mim ainda vai ser melhor pois como trabalho em Leça do Balio estou eufórico pois vou aproveitar a minha hora de almoço para ir ver os treinos a Custóias!!!!
Como compreendem estou a satirizar com esta situação pois ela não me merece mais do que isso, é tão ridiculo aquilo que tentam fazer "por outros lados, se bem se lembram esta expressão não é minha, que nem vale a pena perdermos muito mais tempo com ela.

Finalmente vai voltar o futebol a sério, o nosso FCP entra amanhã em campo contra o Pêro Pinheiro, espero que os nossos jogadores entrem em campo como se fosse contra o Barcelona, já descansaram estas duas semanas por isso amanhã é para rebentar!!

Tenho pena que os meus prognósticos em relação a Selecção tenham sido acertados, preferia ter mesmo falhado. Mas era mais que visível que isto ia acontecer e agora é esperar que contra a Bósnia a história se repita!!

Abraços amigos e até para a semana!!
João Carlos

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

PODE SER O JOÃO

A Federação Portuguesa de Futebol anunciou esta quinta-feira que João Ferreira será o árbitro do encontro entre o Portimonense e o Benfica.

João Ferreira já dirigiu um jogo do Benfica na presente temporada, precisamente o primeiro da época, frente ao Gil Vicente. O jogo terminou com um empate a duas bolas.

Claro. Para um jogo do Benfica, ou vai um sócio (Duarte Gomes) ou o árbitro preferido do senhor Vieira.

Para o Campeonato, com o acordo feito com o senhor Fernando (da Liga) o senhor Vítor Pereira fica por lá mais uns anos e continuam as arbitragens de favor.

A “instituição” está na corda bamba, não pode falhar a Champions nos próximos 10 anos.

Bjinhos

O MÉDICO E O MONSTRO


O Conselho Directivo do Sporting decidiu avançar com um processo disciplinar a Luís Aguiar pelas recentes declarações do médio uruguaio sobre a intervenção cirúrgica a que foi submetido no início de Julho, pouco depois de se ter transferido para Alvalade.

Para o Conselho leonino, as declarações de Luís Aguiar colocaram em causa o profissionalismo do médico que o operou, o dr. Eduardo Barroso, que é também presidente da Assembleia Geral do clube.

Pouco depois de ter suspendido contrato com o Sporting, em finais de Setembro, Luís Aguiar disse à imprensa uruguaia que a intervenção cirúrgica tinha sido desnecessária.

Comentário - Quem te manda a ti sapateiro ...

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

A Lei de Ohm - Hulk


Bom dia amigos e anónimos Destinados a Vencer desde 1893. Bom dia também a todos os outros anónimos porque afinal temos de ser bons anfitriões.

Primeiro a "Desculpa"
Sim, não escrevi a semana passada, não estive em casa nem tive oportunidade de cá vir. Sim, eu sei que foi uma tristeza muito grande pois um dos pontos altos da vossa semana é ler o que vai na minha cabeça demente azul e branca.
Pela desilusão que adveio de não poderem ler tamanho manjar cerebral e pela consequente má, péssima, horrível semana (com feriado no meio) que tiveram, eu peço desculpa. :-)

Resolvido esse assunto vamos ao que me apeteceu escrever hoje.

Como disse e muito bem colega de blog, o Pedro Emanuel, hoje só vou deixar umas notas, ou uns guardanapos, soltos mas o assunto será quase sempre o mesmo. Hulk.

Descolhoante
Apêndice: Oh Pedro que nome imponente pá. Pedro Emanuel!! Conheço gente que só do o ouvir agarram-se às canelas. eheheh E também fazes o Olhar Descolhoante??? (Descolhoante vem da junção de duas palavras e penso ser fácil perceber o conceito) Gosto de como escreves, boa cena! ;-)

Hulk e Bruce
Ora bem, Hulk. Sim Hulk. O Monstro Verde. O Alter ego de Bruce Banner que aparece sempre que o dito cujo se enerva um bocadinho. Quando aparece, normalmente, parte tudo e diz coisas como "Hulk esmaga" ou "Hulk odeia homenzinhos vermelhos" cenas deste género.

Hulk de Souza
Sim existe outro Hulk, o Alter Ego de Givanildo Vieira de Souza. Jogador de futebol que quando aparece parte tudo e diz coisas como "Sempre sonhei jogar no Porto, quando aqui cheguei com 16 anos e fui ver um jogo nas antas disse a mim mesmo e aos meus colegas que iria jogar ali". Diz varias outras coisas mas escolhi esta frase dele porque nota-se que ele sente isso. Já explico.

Hulk é um caso estranho no panorama futebolístico nacional. É sem sombra de duvidas um dos melhores jogadores que passou pelo nosso futebol. É algo de diferente. É odiado por muitos e usado por outros tantos.

Podem dizer que é individualista, que brinca, que falha, que é isto que é aquilo... Mas esta impreterivelmente ligado a todos, ou quase todos, os golos do Porto. É um fenómeno.

Sim eu gosto do Hulk. É o meu jogador do plantel preferido e um dos meus preferidos no panorama mundial.

E porquê Custóias?? (perguntam vocês)


Tirando os aspetos futebolísticos evidentes, eu gosto do Hulk porque:

- O Nome real: O nome de nascença do Monstro Verde (De Souza) faz me lembrar personagem que passou por aqui e me fez deixar vénias na bancada. O Numero 10. Foi o primeiro comentario aquando da contratação do Hulk que fiz "Vai ser estrela... Esta no Nome..."
- O Nome Adotado: O Hulk é, a par do Wolverine, o meu personagem de BD preferido. E ter um gajo com esse nome a jogar no meu clube... Perfeito!
- A Loucura: Ele é estrela, vaidoso e demente. Todos os grandes foram e são assim... E um gajo que gasta 250.000€ num carro com um H12 na frente como símbolo é doido. Mas podemos apenas olhar para o seu colar gigante com um H. É essa demência que o faz ser imprevisível com a bola.

Mas principalmente o que me faz gostar dele, e que o distingue dos outros, é o conto de fadas que ele viveu, e vive, e o facto de ser o gajo com mais mercado mas nunca ter forçado nada...

Falei com um jogador profissional, que não joga no Porto mas joga na mesma divisão, que me contou que isto estava a correr menos bem porque havia gente que queria dar o salto. Tinha ganho tudo e achava que devia embarcar em outros voos (ganhar mais) e que ficou frustrado por só o Falcao sair. Falou me em nomes evidentes como Fernando, Alvaro e Rolando e noutros menos evidentes como (espantem-se ou não) Sapunaro, Varela, Otamendi e Guarin. Falou me de outros descontentes com o treinador mas nunca me falou de Hulk.

Hulk chegou ao Porto com 16 anos para jogar no Vilanovense. Foi ver um jogo nas Antas com os amigos e disse "Um dia vou jogar ali". Voltou para o Brasil, foi para o Japão e... Veio parar ao F.C. Porto... Conto de Fadas? Sim. Traçou um objetivo e conseguiu.

Hulk!
Hulk esta bem aqui porque é a estrela, porque era o seu sonho. Sim vai sair um dia, mas penso que não ira fazer birras como tantos outros. Ganha bem e está feliz. É o mais importante. Que o diga o outro De Souza :-)

E perguntam todos: Ok Custóias, gostas do gajo mas porque te lembraste hoje de falar nisso?

Porque saiu uma noticia fantástica no Correio Manhoso (que poderia muito bem ser o correio do Querido Manhoso, mas não é...) que põe o nosso Monstro Verde em perigo de cadeia pelo famigerado caso do Túnel da Luz. (Sim o Túnel voltou)

Túnel
Porque saiu uma noticia em vários lados que poderia sair em Dezembro para o Arsenal ou M. City por meia dúzia de euros e um gajo qualquer...

Porque dizem que o convidaram para a seleção mas ele recusou. Depois afinal já não convidaram...

Sabem o que é isto? Pressão... Pressão para o fazer sair... Querem obrigar o nosso melhor jogador do campeonato a ir para outro lado... Imaginem fazer isto ao Aimar? Já tinha ido...
Estas coisas pesam na cabeça de um jogador. Esta perseguição só faz com que queira ir para outro lado, onde possa ser amado. Mas ele resiste, dá o peito às balas e diz "Hulk ESMAGA!! E é feliz no Porto!!"

Melhor comentário à noticia do Correio da Manha veio do Inimigo Público.

(Cliquem aqui)

Perfeito...

Por hoje é tudo, isto sem bola não tem piada...

AH!! Parece que a seleção perdeu... A minha ganhou no ultimo jogo que fez... Contra a Académica... :-) E lá se foi a suposta crise... :-D



ATÉ OS COMEMOS CARAGO!!!

Até à próxima amigos e SIGA PA BINGO!!!

OS AMIGOS DOS TÚNEIS

Estão abertas as inscrições para o passeio anual dos Amigos dos Túneis. As marcações podem ser dirigidas para os pasquins A BOLHA; CORREIO MANHOSO; ou RASCORD




terça-feira, 11 de outubro de 2011

CULO

Com um "assunto" destes entre mãos, quem é que se interessa pelos desvarios do Ministério Público?
Nós já sabemos que "eles fazem a coisa pelo outro lado"...

NR O Mundo Azul e Branco agradece a participação especial de Irina Shayk

Estratégias

Isto hoje só lá vai com notas soltas porque semana sem jogo de FC Porto e que antecipa deslocação de vibração duvidosa a Pero Pinheiro traz pouco para contar.
1)Iturbe e Alex Sandro vão estrear-se oficialmente de dragão ao peito na partida da Taça de Portugal a realizar no fim-de-semana. Não fosse a minha imensa curiosidade pedir Iturbe desde a Supertaça, uns minutinhos que fossem não teriam feito mal a ninguém, diria que a estratégia é perfeita.
Lançar contra o Pero Pinheiro o argentino roubado ao Paraguai (nós não roubámos nada, a culpa é do país de Maradona – sim, que Maradona é do mundo todo mas mais um bocadinho da Argentina ) e Alex Sandro (recuperado de lesão que o apoquentava praticamente desde que a mãe o deixou de amamentar) é meio caminho andado para dizer que temos estrelas.
Porquê? Porque só não faz uma exibição de sonho contra o Pero Pinheiro quem tem tanto de futebolista como o Passos Coelho de amigo dos desfavorecidos. Resumindo: o FC Porto vai ganhar por mais de meia dúzia, o resultado é para lá de secundário, e Iturbe e Alex Sandro vão fazer da equipa da III Divisão o que nós fazíamos quando andávamos no 12º ano e convidávamos os do 7º para um jogo no intervalo das aulas. Massacre neles que a hora é de mostrar serviço e dizer que somos bons.
E não é com o Benfica ou o Zenit que o deveríamos ter feito, não, porque aí as coisas poderiam dar para o torto e teríamos meio mundo a pedir responsabilidades a outro meio mundo pelos milhões gastos nos dois futuros craques.
Querem apostar que segunda-feira os jornais só vão ter os dois meninos nas capas? Eles e os jogadores do Portimonense a festejar a passagem à próxima eliminatória da Taça, espero.
O que é que isto tem de condenável? Nada. O que diz sobre gerir expectativas e experiência sobre como não atirar pressão sobre quem menos a ter, logo profissionalismo exemplar na gestão desportiva? Quase tudo.

2)Portugal joga hoje a cartada decisiva frente rumo ao Europeu 2012 num complicado jogo frente à Dinamarca. Convém não esquecer que não vencemos fora os dinamarqueses desde há praticamente 35 anos e que ainda está bem fresca na memória por eles no apuramento para o último Mundial (depois fomos lá empatar graças a um golo desse transmontano de gema chamado Liédson a poucos minutos do fim).
Poucos dias antes do jogo, salvo erro no domingo, Cristiano Ronaldo veio a público afirmar que tem jogado com dores, que não está nas melhores condições, que é quase um sacrifício entrar em campo e só o faz a bem da nação.
Ora, o que isto pode querer dizer? Que Portugal encontrou a desculpa perfeita para justificar um possível mau resultado na Dinamarca. Se perdermos e fomos relegados para o playoff, o que até nem é assim tão improvável, podemos sempre socorrer-nos da âncora do infeliz Cristiano Ronaldo, o melhor do mundo a seguir a Messi, que não jogou em condições e nos impediu de realizar um brilharete em terras nórdicas.
A questão é que o comentário de Cristiano Ronaldo pareceu tudo menos revelador de um plano de comunicação bem conjecturado. CR7 foi sincero e ponto. Mas que o tiro acabou por acertar numa belíssima estratégia de comunicação lá isso é verdade. Pena é que tenha sido disparado com todas as intenções menos essa.

domingo, 9 de outubro de 2011

Livros e estatísticas

Boa noite a todos.

Estamos em pausa devido aos compromissos das selecções, deixando um quase vazio nas nossas vidas. Gostava de deixar aqui algumas sugestões para passar o tempo e acalmar o espírito:

Estatísticas:

é bom para sabermos os números de quem está a reger o desporto colectivo em Portugal.

Livros:

De Alfredo Barbosa: "Pedroto: O Mestre"
Alfredo Barbosa foi amigo pessoal de Pedroto e isso sente-se neste livro. Algumas peripécias muito interessantes.

Para quem não viu na SporTv, fica aqui o link para a excelente homenagem ao "Zé do Boné".

Pass: dfernandes

Vejam e partilhem, vale a pena.


Um abraço a todos e não fiquem muito ansiosos: vem aí o Iturbe!

Gustavo Rossi

sábado, 8 de outubro de 2011

DIA DO ADEPTO

Caros amigos, o nosso blogue está numa evolução rápida, forte e muito consistente e sustentada, principalmente desde à umas semanas a esta parte, e nós queremos que faças parte disto de uma forma ainda mais activa, como tal, temos mais um projecto para colocar em prática.
Neste momento temos colaboradores para quase todos os dias da semana, mas nós queremos dar oportunidades a todos.
Então, o desafio que vos propomos é o seguinte:
Nós sabemos que há muitos leitores do nosso blogue que gostam de escrever sobre o nosso Futebol Clube do Porto, mas, que não o podem fazer todas as semanas, mas que apenas gostam de o fazer ocasionalmente, como tal, a partir de agora, o nosso blogue irá ter uma rubrica que se chamará, O DIA DO ADEPTO, que consiste no seguinte.
Quando um dos nossos leitores quiser escrever uma crónica e vê-la postada no nosso blogue, vai ter a oportunidade de o fazer, para que isso aconteça, basta elaborar o referido post/crónica e envia-la via email para mundoazulebranco@gmail.com.
O texto enviado, deverá ser assinado, e esse será publicado no nosso blogue assim que possível, mas que em princípio será aos Sábados, como é lógico, apenas será publicado um texto por semana, envia-nos a tua opinião também e ajuda-nos a melhorar o nosso blogue.
Fica assim lançado o repto a todos aqueles que gostam de escrever sobre o nosso clube.
Para todos, fica aqui também o pedido, quem quiser fazer parte da nossa equipa, deve entrar em contacto connosco, através do mesmo email, para estes, os requisitos são outros, terão que se “comprometer” a elaborar a sua crónica todas as semanas, e às Quintas-feiras.
Desde já agradecemos a todos os interessados, e a todos os que nos irão brindar com os seus textos.
Gostava também de deixar aqui o facto de o nosso blogue, no facebook ter mais de 3000 amigos e de termos uma média de 100 visitas ao nosso blogue, o que é muito pouco, quando somos muitos e gostamos todos do mesmo, o FC PORTO, neste momento criamos uma página no facebook, que gostaríamos que todos fizessem gosto e nos seguissem, pois toda a actualização sobre o nosso blogue será feita através da pagina recentemente criada.
Amigos, o blogue não é só meu, nem só dos colaboradores deste, o blogue É NOSSO, de nós TODOS, pelo que o vosso feed back é muitíssimo importante para nós, só assim nos sentimos motivados diariamente para trazer até vós tudo o que se passa sobre o nosso FC PORTO, ajudem-nos com as vossas visitas, com os vossos comentários no nosso blogue, e, cada vez que nos visitarem cliquem na publicidade que lá se encontra, desde já obrigado a todos., juntos somos mais fortes.
Muito em breve irão surgir novidades muito importantes aqui no nosso blogue, irá aparecer uma rubrica muito, muito importante, que passa por entrevistas a pessoas relacionadas com o mundo do desporto e que são conhecidas por todos vós, não percam.
FUTEBOL CLUBE DO PORTO, A VENCER DESDE 1893 – ESTE É O NOSSO DESTINO.

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

O Improvável Dragão - Pausa para a Selecção

Bom dia amigos Portistas,
Espero que depois de tudo o que já se falou, como disse o Pedro Emanuel Santos, tenhamos aprendido a lição, todos sabemos que não estivemos bem numa determinada altura mas o jogo em Coimbra mostrou quem SOMOS, e contrariou os vaticinios de muitos que já diziam que tinhamos tudo perdido, bem como os pasquins de Lisboa que queriam minar a nossa equipa e a confiança dos adeptos nela. A forma como a equipa no fim festejou a vitória com a equipa técnica, demonstra que o grupo está unido e solidário com o treinador, ao contrário do que se vinha escrevendo na imprensa desportiva e por arrasto em muitos blogs de apoio ao FCP!!
Tenho a certeza que no fim quem quis a saída de Vitor Pereira (os mesmos que queriam a saida de Adrianse e Jesualdo ao fim de meia duzia de jogos) no fim da época não vão faltar aos festejos na Avenida dos Aliados!! Deviam ser proibidos de ir mas pronto a malta depois quer é festa!!

Esta semana recebemos a nossa Selecção no nosso estádio, por acaso ao contrário do habitual decidi abdicar da minha cadeira de sonho, espero que a Selecção ganhe como sempre e que consiga o apuramento, mas sinceramente esta é uma selecção que não me motiva. Os ultimos tempos e a forma como as coisas têm acontecido á volta da Selecção têm-me desmotivado!! A forma como se despediu o Queiróz, a constante saída de jogadores a abdicarem de representar a camisola de Portugal, a forma como têm sido geridas certas situações, pois acho que existem dois pesos e duas medidas na forma de actuar de quem dirige e selecciona fazem com que tenha perdido algum do entusiasmo que vivia sempre que a Selecção vinha cá jogar!!
Algo que me faz enorme confusão por exemplo é o porquê de numa semana em que a Selecção joga no Porto o estágio é feito no Algarve, é razão para perguntar:
NÃO HAVIA SITIO MAIS LONGE?????
Acho incrivel que estas situações aconteçam. Espero que a equipa mostre o seu valor, apesar de achar que nem todos os melhores jogadores são chamados á Selecção, são opções dizem uns mas eu sinceramente acho que são caprichos. Nunca gostei de Paulo Bento, quanto se falou que poderia vir para o Porto fiquei doente, não renovei o meu lugar anual até saber quem era, e quando Villas-Boas foi apresentado foi um alivio!! Acho que Paulo Bento é um treinador conflituoso e não gosto do seu estilo de jogo mas neste momento quero que tenha exito, pois o seu exito é o exito de Portugal!!
3ª feira espero estar a festejar mais um apuramento de Portugal, mas se tal não acontecer espero que depois as culpas não sejam do Queirós!!!!
Força Porto e Força Portugal!!

Abraços e até para a semana

João Carlos

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

TVI ganha transmissões da Liga dos Campeões (*)

Tradução:

A TVI vai transmitir 1 jogo por jornada num total de 18 jogos

A SportTv vai transmitir 4 num total de 128.

A TVI ficou com esses joguinhos porque era “a única concorrente”

Pais do Amaral é o bluff do costume.

O clube da treta não mete a mão ao prato.

(*) Notícia retirada dos pasquins

FIM DE EMISSÃO

terça-feira, 4 de outubro de 2011

Que tenha servido de lição

A última semana e meia foi de pesadelo para o FC Porto, disseram muitos por aí. Dois empates, com Feirense e Benfica, e uma derrota frente ao Zenit colocaram os corações azuis e brancos em sobressalto. Como sempre sucede quando as coisas correm mal, houve que apontar um culpado. E esse foi o alvo mais fácil e mais à mão nos momentos em que os resultados não são os desejáveis: o treinador.
Vítor Pereira sofreu uma perseguição inverosímil, ridícula e, sobretudo, injusta. Que era fraco tacticamente, que não sabia mexer na equipa, que as suas substituições soavam a ridículas, que não tem estaleca para um barco como o FCP, que foi solução de recurso porque Villas Boas saiu à pressa, que tinha os dias contados e Pedro Emanuel já estava a caminho, que Rui Faria também era hipótese e estava pronto a deixar Madrid, que isto, que aquilo, que tudo. Se tais atoardas tivessem sido proferidas por sectores há muito conotados com a Segunda Circular não me surpreendia e até o esperava. Mas o incrível de tudo é que 99,9 por cento das piores críticas a Vítor Pereira partiram de assumidos adeptos do FC Porto. E isso dói.
Dói porque nós não somos como águias e lagartos, que massacram os seus técnicos quando estes dão as primeiras escorregadelas – não é por acaso que uns e outros são conhecidos por serem cemitérios de treinadores. Dói porque Vítor Pereira não desceu tão baixo para ser crucificado com foi. Dói porque demos os mesmos tiros nos pés que tantas vezes aplaudimos aos nossos rivais. Dói mais ainda porque retiramos o tapete da confiança a um homem que já demonstrou ter rédea bem estudada para saber controlar os cavalos mais perigosos, ou será que já foi esquecido como Europa fora o FC Porto foi elogiado por ter conseguido anular o Barcelona de uma forma que mais nenhuma equipa o conseguiu desde que Guardiola assumiu os blaugrana?
Pode questionar-se se Vítor Pereira esteve mal ao não colocar Walter mais cedo na ausência de Kléber? Claro que sim. Mas também é preciso ser intelectualmente honesto e puxar o filme da memória atrás para recordar que Walter também não foi opção para André Villas Boas no período em que Falcao menos jogou a temporada passada, entre Dezembro e meados de Fevereiro (já agora, um doce para quem souber à primeira o trio de avançados no jogo do Dragão em que o FCP foi derrotado 0-2 pelo Benfica a contar para a primeira mão das meias-finais da Taça de Portugal). Ou que FCP dos primeiros tempos do moço agora do Chelsea tinha tanto de instável como de espectacular. Ou ainda como foi preciso aguardar pela veia goleadora de Falcao, que apenas surgiu a partir de Outubro, para que a respiração deixasse de ser tão ofegante e os resultados fluíssem com mais tranquilidade. Ou que foi preciso o Benfica ter o pior início de campeonato em mais de 50 anos para o FCP poder cavar um fosso de nove pontos logo às primeiras jornadas? Ou que o Sporting desde cedo mostrou sinais de estar no caminho na desgraça e o Braga demonstrava não conciliar campeonato e competições europeias? Ou que o FCP tem este ano na Champions adversários indubitavelmente mais complexos dos que os que encontrou na fase de grupos da Liga Europa?
Já agora, recorde-se também que quem Villas Boas procurava sempre em momentos de maior aflição era o homem que estava imediatamente sentado a seu lado no banco. Esse mesmo, o tal que agora é apontado o dedo por tantos e a que poucos dão, sequer, o benefício da dúvida.
Como no negativo há sempre que retirar algo de positivo, tenhamos, pelo menos, aprendido algo com que se passou e não repitamos o erro outra vez. Seja com Vítor Pereira, seja com qualquer outro treinador que nos venha a servir no futuro. Porque ser dragão é, também, apoiar o treinador, particularmente nos momentos mais delicados. Sim, que os verdadeiros dragões são os que estão com a equipa nos momentos em que a maioria lhe vira as costas.
PS: Os que agora desesperam com Vítor Pereira que me expliquem como não se suicidaram quando levaram com figuras, e só vou falar de um passado relativamente recente, como Octávio Machado, José Couceiro, Co Adriaanse ou até mesmo Jesualdo Ferreira. Mas expliquem-me como se eu tivesse cinco anos, por favor.